Você tem medo de ensinar?

6 09 2007

Trabalho com projetos SAP, especificamente ABAP, há cerca de 7 anos. Uma prática muito comum é a figura do “sombra”. O sombra é aquele consultor júnior (geramente no seu primeiro projeto), que é alocado a um projeto, sem cobrar as suas horas do cliente.Com isso, a sua consultoria consegue treinar um novo consultor em situações reais da rotina de um projeto.

Isso pode ser ótimo para o sombra, pois esse treinamento on-the-job é uma maneira de dar a ele alguma experiência sem a responsabilidade de um consultor cobrado do cliente.

No entanto, para o consultor experiênte, isso representa um aumento de trabalho, pois além do trabalho normal como consultor, ele precisa explicar tudo ao sombra.Eu nunca tive um sombra para ajudar, mas já coordenei uma equipe de umas 10 pessoas totalmente inexperiêntes, onde tive de ensinar muitos macetes para que as coisas andassem no prazo determinado.

Nessa semana, conversando com um consultor que trabalha comigo, ele revelou-me que já criou a maior confusão em um projeto por negar-se a ensiar um outro consultor menos experiênte. De acordo com ele, não havia sido contratado para ensinar. O seu outro argumento foi que ele não queria que o mercado SAP crescesse muito e que ele tinha medo que o seu salário diminuisse devido ao aumento do número de consultores.

Vi comentário semelhante a esse no dieblinkenlights.com. De acordo com o autor, falando sobre a linguagem de programação Phyton, disse:

Eu a considero uma vantagem competitiva e se você, meu leitor, não souber do que se trata, melhor para mim.

Nesse projeto onde eu fui o coordenador, tive a satisfação de acompanhar o desenvolvimento profissional de alguns deles. Hoje, ainda converso com eles pelo MSN e fico orgulhoso quando leio “fulano @ USA” no nickname, indicando que está em algum projeto internacional.Por que esse medo de ensinar? Então quer dizer que se eu ensinar outras pessoas, corro risco de “saturar” o mercado de profissionais e diminuir a minha “empregabilidade”?

Esse medo expressa uma mentalidade limitada. Aprendi que o meu sucesso não depende de uma ferramenta, linguagem ou plataforma. Essas vão e vêm a todo momento. O que relamente conta é qual é o seu comportamento profissional, ou seja, vontade de aprender coisas novas e procurar novos conhecimentos para se manter sempre a frente.Eu realmente adoro ensinar e sou totalmente seguro da minha empregabilidade, pois ela não depende 100% da ferramenta ou linguagem de programação que uso. Tanto que hoje, além do meu trabalho como coordenador de desenvolvimento, sou intrutor ABAP. A vontade de ensinar, abriu-me novas portas além da consultoria.

Cuidado se você pensa como meu amigo, provavelmente logo será ultrapassado por esse consultor júnior que está do seu lado, afinal de contas, para o meu amigo, a sua única preocupação é:

… se meus concorrentes lerem e aprendam alguma coisa.

Anúncios

Ações

Information

9 responses

27 09 2007
Walter Magrinelli

Legal esse seu anuncio sobre o Abap Sombra………eu ouvi falar isso e nem sabia o que era, com o seu artigo acabei descobrindo………
Estou fazendo uma Academia de Abap na Impacta, estou correndo atrás de um estágio……….mas é muito dificil, ninguem te da oportunidade, e depois quer experiencia……….
Vc tem tem alguma dica ou sabe de alguma oportunidade………….
Pode ser até mesmo de ” sombra” …………..rsrs

Valeu………

14 10 2007
Flávio Furlan

Walter,

Essa prática do sombra é muito comum nas consultorias e é uma maneira que elas encontraram de minimizar a falta de experiência dos novos consultores.

Infelizmente não tenho nenhuma oportunidade para oferece no momento, mas sugiro que você assine o grupo Oportunidades SAP do Yahoo Grupos. Lá tem muitas! Não perca as esperanças tem espaço para muita gente no mercado, mas precisa ser insistente e não desanimar.

Outra dica que te dou é um site para iniciantes que eu mantenho, o ABAP 101. Lá eu posto algumas receitas de bolo para o iniciante ABAP. Também posto algumas dúvidas que recebo dos meus alunos da Academia ABAP onde eu leciono.

Abraços!

11 01 2008
Você tem medo de ensinar? « ABAP 101

[…] (Texto originalmente publicado no Papel no Vaso.) […]

28 01 2008
Consultor X Sombra « SAPware Weblog

[…] (Texto originalmente publicado no Papel no Vaso.) […]

8 04 2008
Você tem medo de ensinar?

[…] (Texto originalmente publicado no Papel no Vaso.) […]

12 06 2008
Marcos

oLÁ Flávio, gostaria primeiro de parabenizá-lo pela solidariedade e força de vontade em ensinar as pessoas, pois como consta no artigo isso realmente não faz parte da sua função, mas creio que psicológicamente e moralmente você será reconpensado no decorrer do tempo. Recentemente fiz academia de ABAP e vejo que o mercado é restrito aos aspirantes (hehe) à Juniores, até então não tinha ouvido falar dos sombras, já havia pensado nisso antes mas não imaginei que o mercado aceitava esse tipo de proposta, tenho muito interesse e força de vontade para crescer e me desenvolver nessa área, gostaria de se possível quando souber de alguma vaga de sombra me informar pois tenho interesse.

31 07 2008
Consultor X Sombra | SAPWARE

[…] (Texto originalmente publicado no Papel no Vaso.) […]

19 04 2011
Fernando

É lamentável que existam pessoas assim, que não gostam de ensinar. Provavelmente este cara vai ter um filho ou uma filha que um dia vai precisar entrar no mercado de trabalho, só então veremos a cara deste tipo de pessoal.

26 06 2012
Altais

Nossa, eu passei três anos em uma empresa como sombra mesmo…aliás, como um espírito vagando por ajuda, conhecimento, ensino. Tive a oportunidade de entrar nesta consultoria para aprende Cobol, mas os “dinossauros do cobol” não passam o conhecimento. Eles retém mesmo! Não querem passar com medo de perder projeto, abrir mais campo. É realmente triste!
Hoje, sei menos do que deveria de acordo com o tempo que estou na área. Mas quando tenho a oportunidade de ensinar o pouco que sei a quem preciso, nem pestanejo, porque lembro o que passei nestes três anos de humilhação e mendigagem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: